Dra. Simone: rejuvenescimento íntimo

Rejuvenescimento
A autora explica que, com o envelhecimento, várias alterações acontecem no organismo feminino, especialmente nas partes íntimas

Por Simone Neri

Palavra de especialista: técnica pouco invasiva e muito eficiente

Muito se fala em rejuvenescimento do rosto, mas você já ouviu falar de rejuvenescimento íntimo?

Com o envelhecimento várias alterações acontecem no organismo feminino, como, por exemplo, diminuição da libido; falta da excitação sexual e orgasmo; estreitamento involuntário da vagina durante a penetração; dor durante a relação sexual; e secura vaginal.

Também são exemplos incontinência urinaria e infecções de repetição são alguns dos problemas mais comuns. Isso ocorre porque, aproximadamente, entre os 40 e 60 anos de idade, as mulheres vivenciam o climatério e as variações hormonais decorrentes da menopausa.

Nessa fase ocorre a diminuição da libido; a falta da excitação sexual e de orgasmo; e vaginismo (estreitamento involuntário do diâmetro da vagina quando se tenta acessar sua entrada, apesar de a mulher expressar desejo de ser penetrada).

Tem ainda dispareunia (dor durante a tentativa da penetração vaginal ou relação sexual); síndrome da excitação sexual persistente ou excitação genital excessiva; secura vaginal; incontinência urinaria e infecções de repetição etc.

Para amenizar os sintomas dessas disfunções existe uma técnica pouco invasiva chamada de rejuvenescimento íntimo feminino. Depois de uma avaliação minuciosa, muitos médicos têm optado por trabalhar com o Laser de Erbiun, conhecido como Athena.

Aliado a uma terapia de reposição hormonal, bem indicada, o tratamento com laser pode prevenir as complicações acima e melhorar a qualidade de vida das mulheres.

Conheça a seguir os tratamentos que mais se destacam quando o assunto é rejuvenescimento íntimo feminino.

Cinco destaques

Laser Erbiun (Laser Athena): é padrão ouro mundial para o tratamento da incontinência urinária, ressecamento íntimo e rejuvenescimento vaginal. De forma semelhante ao exame de ultrassom intravaginal, um transdutor laser é inserido no canal vaginal e os disparos são feitos em forma de pulsos espaçados. O procedimento dura de 15 a 30 minutos. O efeito do laser induz ao aumento da taxa de epitelização local do canal vaginal e da vulva, estimulando a produção de colágeno e, também aumentando a circulação local.

Clareamento íntimo: diminui a pigmentação escura da pele na região íntima com a aplicação de diversos ácidos, que geram a despigmentação da pele e estimulam a produção de colágeno na área íntima. Trata-se de um procedimento indolor, com no máximo dez sessões, variando de acordo com a pele da paciente.

– Radiofrequência íntima: utilizado no combate à flacidez dos grandes lábios e do canal vaginal estimulando a produção de colágeno e garantindo mais lubrificação da região íntima. Também é indicado para incontinência urinária leve; ressecamento da pele; flacidez; rejuvenescimento íntimo.

– Preenchimento íntimo: aumenta e reconstrói os lábios vaginais, corrige problemas como deformidades e reduz o tônus muscular gerado pelo envelhecimento. Esse preenchimento é biocompatível com o organismo e não provoca rejeição. No procedimento, o ácido hialurônico é injetado na parte externa dos grandes lábios aumentando assim o volume vaginal e protegendo a pele contra agentes externos (como sujeira), além de manter a pele hidratada.

– Bioestimulador de colágeno: colágeno é uma proteína produzida pelo organismo e tem a função de manter a estrutura dos tecidos. Com o passar do tempo, a sua produção é reduzida e os lábios vaginais perdem o volume, ficando enrugado. Os Bioestimuladores de colágeno combatem o problema e estimulam a produção de colágeno, melhorando a flacidez da região.

Dermatologia da maturidade

O mercado de fármacos para o rejuvenescimento íntimo é bastante promissor. Nos últimos anos, surgiram tratamentos modernos que podem ser associados a tantos outros procedimentos, que faz a dermatologia da maturidade um caminho promissor para dar um upgrade na qualidade de vida sexual de muitas mulheres.

Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois.

Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois.

E mais… É. Oi. É. Oi. É.

Veja também no portal avŏsidade:

Como evitar o envelhecimento capilar

Dra. Renata Guidoni: cuidados devem começar cedo

Show de beleza da infância à maturidade

Dr. Fabio Ancona: o que é sororidade?

Dra. Juliana: vivendo com a fibromialgia

Dr. Oberdã: o envelhecimento e o risco de queda

Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. 

Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. Pois. Então. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi.

Acompanhe o portal avŏsidade também no Facebook, Instagram e podcast+!

É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. É. Oi. 

Simone Neri é dermatologista, possui 26 anos de formação em Clínica Médica e Dermatologia; graduada em Medicina pela Universidade de Santo Amaro (Unisa); tem residência em Clínica Médica pela Unisa; residência em Dermatologia pela Unisa; é ex-preceptora do Ambulatório de Dermatologia da Faculdade de Medicina da Unisa; médica plantonista do Pronto Socorro do Hospital São Luiz; ex-coordenadora médica do Pronto Socorro do Hospital São Luiz Anália Franco; atualmente é dermatologista em consultórios próprios em São Paulo/SP e em Osasco/SP

Posts relacionados

*

Topo