Diversão

A hora dos sabiás

 

► Sabia que os sabiás estão com problemas? Com esta pergunta, uma instituição dedicada à conservação ambiental está fazendo uma ampla pesquisa sobre o canto dos sabiás e você, mesmo sem entender nada de passarinhos, pode colaborar com informações valiosas.

A instituição se chama Passarinhar, fundada por um estudioso da vida das aves chamado Sandro Von Matter, que promove divulgação científica sem fins lucrativos, integrando meros curiosos com observadores de pássaros e cientistas em prol da conservação das aves comuns e também das muito especiais.

O projeto A Hora do Sabiá, que está sendo realizado em todo o Brasil, investiga os efeitos do barulho urbano sobre os hábitos do sabiá-laranjeira, que é a ave símbolo do país. Esses passarinhos não se contentam em viver no mato e também se estabelecem nas cidades, mas isso muda muito os seus horários. No mato, eles só cantam de dia, mas em muitas cidades eles agora preferem cantar de madrugada.

A principal hipótese considerada pelos estudiosos é que essa mudança é causada pelo barulho das cidades durante o dia, que cega níveis que abafam o canto dos pássaros. Não satisfeitos em provocar tanto barulho, muitos humanos se sentem incomodados em seu sono noturno com o canto dos sabiás e em São Paulo, por exemplo, já houve anos atrás um movimento para expulsar os sabiás para fora das áreas urbanas.

Por sorte, nem todo mundo pensa assim e os sabiás continuam morando nas árvores que restam nas cidades. Então, voltando ao assunto inicial, você pode ajudar o Instituto Passarinhar a investigar o impacto destas alterações nas populações do sabiá-laranjeira. Desde 2012, o projeto A Hora do Sabiá investiga a que horas os sabiás cantam nas diferentes cidades brasileiras, e é para isso que o instituto quer a participação de todos.

Se você quer evitar o desaparecimento desta espécie tão festejada no Brasil, pode começar dedicando um minutinho apenas para ajudar a investigar o impacto da concentração urbana sobre as populações de sabiá-laranjeira. Vá ao site que está abaixo deste texto e responda a que horas os sabiás começam a cantar aí na sua rua, seguindo o que o questionário pede.

Link: http://goo.gl/forms/3QDaAz8ZwE

 

Acompanhe o portal avosidade também no Facebook, Instagram e podcast+!

Jorge Luiz de Souza

Jornalista, editor do portal avosidade e avô de Mateus, Sofia, Rafael, Natalia, Andrew, Thomas e Cecilia

6 Comentários

  1. Moro no bairro do Arouche. Devido a muitas árvores, o número de sabiás é grande. Eles cantam a madrugada toda, e começam por volta das 4:00hs. O canto me remete a um passado muito triste… foram 3 meses, de uma agonia de morte, embalada ao som de seu canto.

  2. Todos os dias, à beira do muro e nos galhos de uma árvore pequena que tenho no meu jardim… às 5h da manhã… eu tenho esse privilégio que Deus me deu.

  3. Estou no bairro Saúde, acordo geralmente entre 3 hs e 4 hs da manhã, com o canto deles, não me incomoda, acho agradável, creio que é porque tem árvores grandes perto de meu apto. Raramente ouço eles entre 11 e 12 da manhã.

  4. Na árvore em frente à minha casa eles começam a cantar às 2:30 a.m. e só param ao amanhecer. Há algo para alterar isso? Estou tomando medicamento controlado para dormir com esse barulho. Adoro pássaros, mas acordo cedo pra trabalhar e a situação anda crítica. No ano passado, eles cantavam por volta de 4:30 a.m.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.