Para gostar de ler

A leitura para crianças de menos de 5 anos estimula o aprendizado na fase em que 85% do desenvolvimento cerebral de um ser humano acontece

Por Elisabete Junqueira

Programa de vǒ

► Fui ao lançamento do filme documentário “Para gostar de ler”, de 59 minutos, produzido pelo banco Itaú em parceria com a produtora de filmes Prodigo e a agência de propaganda DPZ&T. Ler.

Não pude deixar de me emocionar com a importância do tema, que me remeteu à minha própria infância.

Sou filha de um pai que tinha na leitura sua melhor companhia de vida. E tive uma avó que contava, via oralidade, as melhores histórias infantis que alguém já teve a chance de ouvir.

As lembranças da minha infância, quando em mim foi introduzido o prazer da leitura, se juntaram às recordações das primeiras letras dos meus filhos.

Um deles aprendeu a ler praticamente sozinho, de tanto que o universo dos livros já fazia parte da sua vida, que apenas recém iniciava.

Agora, com os meus netos, todos ainda pequeninos, vejo a ventura da leitura se repetir. Incentivo a leitura e sou solicitada por eles a contar histórias, algumas que tenho de inventar na hora…

E os apresento aos livros, muitos livrinhos, que já compõem a pequena biblioteca infantil da casa da vovó.

A hora de começar a ler para uma criança é cedo mesmo, antes até do seu primeiro aniversário. Estimular o aprendizado nessa fase é importante porque 85% do desenvolvimento cerebral de um ser humano acontece antes de ele completar cinco anos de idade.

Muito além da minha experiência pessoal, que pode parecer um privilégio – e de fato é, por ter nascido em uma família que me proporcionou acesso à leitura e de ter tido a oportunidade de passar para os meus filhos e netos o prazer e importância da leitura – eu gostaria de aproveitar esta oportunidade para compartilhar com vocês alguns pontos muito relevantes.

Histórias exemplares

Renomados especialistas dão seu depoimento no documentário e nos explicam por que ler é essencial para a formação do individuo e de uma nação. Entre eles destaco Ilan Brenman, Drauzio Varella, Leandro Karnal, Eva Furnari e Wellington Nogueira.

 

Ler

Dr. Drauzio Varella, um dos renomados especialistas que dão seu depoimento no documentário

“Em 2017, procuramos trazer um conteúdo diferente, com argumentos e dados científicos a respeito da leitura para crianças na primeira infância e seus benefícios”, disse o superintendente de marketing do Itaú Unibanco, Eduardo Tracanella.

Mas especialmente são as crianças dão um show no documentário. A infância, que passa tão rápido, nos obriga a estar muito atentos ao que fazemos nessa fase dos nossos netos.

O documentário acompanha a história de cinco famílias de várias regiões brasileiras para ilustrar como a leitura influenciou as vidas de pais e filhos.

Fiquei também muito tocada com o caso da família de Teliciane, mãe de Enzo, Guilherme, Rafaela e Victor, com idades entre 3 e 12 anos e moradores de Alvorada (RS).

Teliciane, que é doméstica e teve, muito cedo, de parar de estudar para trabalhar, conta como passou a sentir prazer pela leitura e a comprar livros para seus filhos, incentivando-os a estudar.

Nossa vulnerabilidade social é muito grande. O exemplo de Teliciane e iniciativas que nos ajudem a “Ler para uma criança” são muito bem vindas.

Prazer da leitura

Aqui, no portal avŏsidade, procuramos fazer a nossa parte. Em quase toda semana preparamos posts recomendando livros para crianças, para um avô ou avó ler para uma neta ou neto.

O nosso canal vŏ brinca e canta também celebra o prazer da leitura.

Aqui fica meu convite aos leitores que nos acompanham: leiam para seus netos! Essa experiência será lembrada para sempre e fará parte das fabulosas memórias de infância que celebramos todos os dias no avŏsidade.

O documentário, por enquanto, só pode ser assistido no site do banco e aqui no seu portal avŏsidade. Mas também vai entrar no circuito de alguns cinemas.

 

Serviço Ler

Título: Para Gostar de Ler (Brasil, 2017, 59 minutos)
Onde assistir: itau.com.br/paragostardeler
Produção: Prodigo Films
Criação: Francesco Civita
Direção: Eduardo Rajabally
Produzido por Francesco Civita e Beto Gauss
Co-produção: Eduardo Tracanella e Thiago Cesar da Silva
Produtor associado: DPZ&T
Roteiro: Morris Kachani e Stela Grisotti
Direção de Fotografia: Janice d’Avila
Montagem: Veri Ravezza
Direção Musical: Diogo Poças

E mais…

Veja também no portal avǒsidade:

Declaração de amor aos pequenos leitores

O livro ideal conforme a idade da criança

Seis livros infanto-juvenis sobre avós

Escritores precoces

O amor infantil pelo futebol

Era “outra” vez a Pequena Sereia

♠ ♣

… e o portal avǒsidade no Facebook: https://www.facebook.com/portalavosidade

♠ ♣

Elisabete Junqueira é fundadora do portal avǒsidade e avó de Mateus, Sofia, Rafael, Natalia e Andrew

Posts relacionados

*

Topo